sábado, 25 de junho de 2016

Mais de 1 milhão de britânicos pedem novo plebiscito sobre saída da UE

Desde sexta (24), mais de um milhão de britânicos incluíram seus nomes em uma petição para que o Parlamento do Reino Unido realize um segundo plebiscito sobre a saída da União Europeia.

Uma votação realizada na quinta (23) apontou que 52% dos britânicos querem que o Reino Unido deixe a UE, movimento apelidado de “Brexit”.

A petição, feita pela internet, chegou a tirar do ar o site do Parlamento britânico, dada a grande quantidade de acessos ao mesmo tempo.

Até o fim da manhã deste sábado (25) no horário local, 1,1 milhão de pessoas havia assinado a petição, número onze vezes maior que o necessário para que o tema seja debatido pelos parlamentares.

O abaixo-assinado, criado por William Healey, defende que o governo “implemente uma regra de que caso a opção por ficar ou sair [da UE] tenha menos de 60% dos votos e menos de 75% de participação, deverá haver outro plebiscito”.

As petições online são analisadas por um comissão, que determina quais delas serão levadas para discussão em plenário. A próxima reunião do grupo será na terça (28).

A maior parte das pessoas que assinaram a petição veio de Londres, onde o voto por não sair da UE foi predominante, e de outras grandes cidades do país.

Um outro abaixo-assinado virtual, no site Change.org, pede ao prefeito Sadiq Khan que declare a cidade de Londres como independente do Reino Unido e a filie à UE.

Essa proposta soma 100 mil apoios. “Em vez de votarmos um contra o outro em todas as eleições, vamos fazer um divórcio oficial e seguir com nossos amigos no continente. Londres é uma cidade internacional e queremos permanecer no coração da Europa”, diz o texto. assinado por James O’Malley.