terça-feira, 14 de junho de 2016

Mudanças na previdência serão apresentadas em julho

Após reunião com centrais sindicais na tarde desta segunda-feira (13/6), o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou que enviará ao Congresso até julho – antes da votação do processo de impeachment de Dilma Rousseff – uma proposta de reforma na Previdência Social. Padilha, no entanto, não deu maiores detalhes sobre as mudanças, mas admitiu que, mesmo que todas sejam aceitas, a previdência ainda teria um déficit de R$ 50 bilhões. Hoje, o rombo é de R$136 bilhões.