domingo, 12 de junho de 2016

Papa sobre ataque a boate gay: loucura homicida e ódio sem sentido


O papa Francisco, através do porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, condenou o massacre ocorrido em uma boate gay nos Estados Unidos.

“O terrível ataque ocorrido em Orlando, com um número altíssimo de vítimas inocentes, suscitou no papa Francisco e em todos nós os sentimentos mais profundos de execração e condenação, de dor e de consternamento diante dessa nova manifestação de caráter homicida e de ódio insensato”, informou Lombardi.

Segundo o porta-voz, “o papa se une às orações e na compaixão com um sofrimento incalculável das famílias das vítimas e dos feridos e pede ao Senhor para que possam ter conforto”.