sábado, 30 de julho de 2016

Desemprego no País atinge 11,58 milhões e é o maior já registrado pelo IBGE


O IBGE informou ontem que a taxa de desocupação no Brasil ficou em 11,30% no segundo trimestre, no maior patamar de desemprego já registrado pela Pnad Contínua desde o início da série, em 2012.

A renda média real do trabalhador foi de R$ 1.972 no segundo trimestre de 2016. O resultado representa queda de 4,2% em relação ao mesmo período do ano anterior. A massa de renda real habitual paga aos ocupados somou R$ 174,6 bilhões no segundo trimestre, queda de 4,9% ante igual período do ano anterior.