quarta-feira, 20 de julho de 2016

Detentos fazem churrasco de gato e servem a familiares e crianças em presídio no PE


Por R7

Um grupo de presidiários fez um churrasco de gato na penitenciária Professor Barreto Campelo, em Itamaracá (PE), e ainda serviu para parentes, amigos e crianças que visitavam os detentos. O caso aconteceu no último dia 10.

O churrasco foi divulgado pelo Sindasppe (Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária de Pernambuco).

Márcia Silva, vice-presidente do sindicato, alerta que esse tipo de situação acontece porque o contingente de agentes penitenciários não é o suficiente para fazer a cobertura completa do complexo

A vice-presidente não sabe quem é o responsável pelas imagens, mas não descarta que tenha sido os próprios presos que tenham feito os registros.

Nas imagens, três gatos aparecem mortos e despelados.

Segundo o Sindasppe, o local tem nove torres, porém apenas três estão sob vigilância, por isso, Márcia acredita que o churrasco ocorreu num ponto cego.

— Os presos saem pela manhã e passam o dia soltos, com pouca supervisão. O efetivo só entra no final do dia para recolher os presos. Fica difícil saber o que acontece no decorrer do dia.