terça-feira, 12 de julho de 2016

Governo incentiva previdência complementar nos estados

Com o crescimento das despesas com Previdência Social nos Estados, no Distrito Federal e nos municípios, o governo federal criou uma medida para incentivar os planos de previdência complementar dos entes da federação. A proposta é de que o Fundo de Previdência Complementar dos Servidores Federais (Funpresp) administre esses planos de previdência de Estados e municípios – uma demanda antiga em função dos custos elevados de implementação e manutenção das entidades.

Os gastos com aposentadorias e benefícios, além de outras despesas, contribuíram para o complexo quadro fiscal em que a maioria dos Estados ingressou. Segundo projeção do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, o déficit na previdência deve crescer R$ 35 bilhões entre 2016 e 2017. Com isso, as despesas com aposentadorias e benefícios irá superar a arrecadação em até R$ 200 bilhões no próximo ano.