sexta-feira, 8 de julho de 2016

Michael Schumacher vive ‘situação difícil’, diz assessora


Desde que sofreu um acidente em 2013, informações sobre o estado de saúde do heptacampeão mundial da Fórmula 1, Michael Schumacher, têm sido mantidas em sigilo pela família do piloto. E essa privacidade deve continuar, segundo informou Sabine Kehm, porta-voz do piloto alemão.

Porém, em entrevista ao diário alemão ‘Kolner Express’, a assessora contou que, no momento, a situação do piloto é difícil. “Claro, Michael não vai desaparecer, mas no momento a situação particular é tão difícil que, infelizmente, nenhum retorno pode ser dado. Deve haver uma compreensão sobre isso”, comentou a assessora da família do heptacampeão.

Recentemente, Luca di Montezemolo, uma das poucas pessoas que têm acesso a informações sobre o estado de saúde do piloto alemão, disse que as novidades “não são boas”. Mais detalhes sobre o assunto, contudo, não foram revelados.

O acidente envolvendo o piloto Michael Schumacher aconteceu no dia 29 de dezembro de 2013, na estação de esqui de Méribel, em Saboia, nos Alpes Franceses. Apesar de estar usando capacete na ocasião, o impacto da pancada em sua cabeça contra uma pedra foi forte.

Michael foi liberado para voltar para casa em 16 de junho de 2014, sem apresentar um quadro oficial de coma. Entretanto, relatos recentes apontam que as habilidades de comunicação do heptacampeão da F1 são extremamente limitados.