sexta-feira, 1 de julho de 2016

Presidente das Filipinas pede que população mate ‘viciados’ em drogas


Em discurso no primeiro dia de mandato, o controverso presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, voltou a falar nesta quinta-feira sobre o combate à criminalidade, principal bandeira de campanha. A uma plateia de aproximadamente 500 pessoas, numa favela na capital Manila, fez ameaças a traficantes e policiais corruptos, além de exortar a população a matar dependentes de drogas.

“Esses filhos da puta (narcotraficantes) estão destruindo nossas crianças. Eu te aviso, não entre nessa. Mesmo que seja um policial, porque eu vou matá-lo”, afirmou o presidente, de acordo com o “Guardian”. “Se você conhecer algum viciado, vá em frente e mate-o, porque deixar para que os parentes dele o façam seria muito doloroso”.

O Globo