sábado, 23 de julho de 2016

Promotora investiga se Rosalba, Fafá e Cláudia Regina receberam sem trabalhar

A promotora de justiça Micaele Fortes Caddah, Comarca de Mossoró, instaurou Inquérito Civil Público para apurar a "percepção de remuneração sem a suposta contraprestação de serviço pelas servidoras públicas estaduais Rosalba Ciarlini Rosado, Maria de Fátima Nogueira Rosado e Cláudia Regina Freire de Azevedo".

A denúncia que chegou ao Ministério Público foi feita sob anonimato.

Para esclarecer os fatos, foi dado um prazo de 5 dias aos órgãos do governo do RN para que respondam às solicitações.