quarta-feira, 13 de julho de 2016

Salário de 35 mil do cabeleireiro do presidente francês, gera polêmica


O jornal investigativo e satírico Le Canard Enchaîné publicou nesta quarta-feira, 13, que o cabeleireiro pessoal do presidente francês, François Hollande, recebe 9.895 euros - mais de R$35 mil por mês, desde que Hollande foi eleito em 2012.

Esse salário seria compatível com o de um ministro do governo. 

A informação é considerada chocante para um socialista de 61 anos eleito com a promessa de que seria um presidente "normal" e exemplar. 

Seus índices de aprovação têm se mantido persistentemente baixo. 

A nova polêmica, o #CoiffeurGate, assumiu o trending topic no Twitter hoje.