sábado, 13 de agosto de 2016

Após oscilação, Brasil e Alemanha iniciam mata-mata com favoritismo


O roteiro que começou a ser escrito com ares dramáticos mudou de tom na última rodada da fase de grupos. Brasil e Alemanha iniciaram a trajetória na Olimpíada do Rio de Janeiro com dois empates, mas golearam Dinamarca e Fiji, respectivamente. A volta por cima devolve à seleção brasileira o status de favoritismo diante da Colômbia, adversária das quartas de final, na Arena Corinthians. Os alemães, após 10 a 0 no Mineirão diante dos fijianos, chegam para o jogo contra Portugal com moral.

A Nigéria, de Obi Mikel, continua na briga por uma medalha no Brasil. E se engana quem pensa que o papel é de coadjuvante na competição. Líder do Grupo B, com seis pontos – duas vitórias e uma derrota – os africanos têm desafio marcado contra a Dinamarca, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Quem também segue firme é Honduras. Após mandar a Argentina para casa mais cedo, a seleção vai com tudo para cima da Coréia do Sul, que terminou a primeira fase na primeira posição do Grupo D.

Globo Esporte