terça-feira, 16 de agosto de 2016

Governo prorroga permanência de tropas federais em Natal

Tropas federais convocadas para conter a onda de violência em Natal (RN) permanecerão na cidade por mais oito dias. O presidente interino, Michel Temer, autorizou a prorrogação da aplicação da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) nesta segunda-feira, a pedido do governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria (PSD). Cerca de 1,2 mil militares estão na capital e na região metropolitana desde o último dia 4.

O Rio Grande do Norte vem sofrendo uma onda de crimes desde 29 de julho. Um dos motivos seria a instalação de bloqueadores de celular na Penitenciária de Parnamirim, que fica na grande Natal. Os equipamentos foram colocados um dia antes do início dos ataques.

No último dia 4 – véspera da abertura da Olimpíada -, Temer havia autorizado o envio de mil agentes do Exército e 200 da Marinha. O decreto previa que as tropas ficariam até esta terça-feira. Agora, os militares ficarão até o dia 24.

Em aproximadamente duas semanas da onda de violência, foram registrados crimes em cerca de 20 cidades do Rio Grande do Norte, incluindo incêndios, explosões e disparos contra prédios públicos.

Na semana passada, depois da autorização do envio de tropas a Natal, Temer também decretou a GLO para o reforço da segurança no Rio durante os Jogos Olímpicos.