segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Com pneumonia, Hillary Clinton cancela agenda


A candidata do Partido Democrata à presidência dos Estados Unidos, Hillary Clinton, cancelou uma viagem ao estado da Califórnia para participar, hoje (12) e amanhã, de eventos com o objetivo de angariar fundos a fim de fortalecer sua campanha. O cancelamento ocorreu depois que Hillary Clinton se sentiu mal, durante uma cerimônia ontem (11) em Nova York, que lembrava as vítimas dos ataques terroristas em 11 de setembro de 2001. Ela teve que sair às pressas do local. Um vídeo exibido nas redes sociais mostra que, depois que saiu da cerimônia, a candidata aparentemente se desequilibrou e só não caiu porque foi amparada por agentes de segurança ao entrar em um carro.

Horas depois da exibição do vídeo, a médica da candidata, Lisa Bardack, disse – em comunicado – que Hillary foi diagnosticada com pneumonia na sexta-feira (9). A coordenação da campanha não explicou por que o diagnóstico de pneumonia não foi divulgado antes da cerimônia de ontem. A falta de uma explicação sobre o real estado de saúde de Hillary Clinton está provocando um questionamento sobre a transparência das informações relacionadas ao estado de saúde dos candidatos dos dois principais partidos norte-americanos. Tanto Hillary, de 68 anos, quanto Donald Trump, de 70 anos, este representando o Partido Republicano, são os dois candidatos mais velhos da história dos Estados Unidos, em eleições presidenciais.