terça-feira, 20 de setembro de 2016

Gastos com pessoal: Governo do Estado reduz orçamento em 10% para 2017

Disponível para votação até 15 de dezembro deste ano, a mensagem do Governador Robinson Faria, que apresenta o projeto de Lei Orçamentaria Anual(LOA) para o exercício de 2017, define o orçamento da folha de pagamento pessoal menor, comparada a 2016. De acordo com o texto, a despesa prevista para o próximo ano será de R$ 8,086 bilhões. Os valores representam uma redução de R$ 846,68 milhões, o que significa quase 10% em a relação a este ano.

O projeto de lei, contudo, terá dificuldades para cumprir estimativa. Para se ter uma ideia, só no primeiro semestre deste ano, a folha pessoal das administrações direta e indireta do Estado já chegou a R$ 6,11 bilhões – números do relatório de execução orçamentária da Controladoria Geral do Estado(Control). No projeto enviado(LOA 2017), o Governo pede ainda autorização para abrir créditos suplementares no pagamento de despesas com pessoal e ainda encargos sociais, até o limite de 15% acima da suplementação orçamentária prevista a receita em sua totalidade. Valor que pode chegar a R$ 1,85 bilhão.