domingo, 9 de outubro de 2016

Papa nomeará arcebispo de Brasília como cardeal


O papa Francisco anunciou neste domingo que celebrará um consistório no qual serão criados 17 novos postos de cardeal, 13 dos quais para religiosos com menos de 80 anos, uma lista que inclui o arcebispo de Brasília, dom Sérgio da Rocha.

Além de dom Sérgio, que também é presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), serão nomeados cardeais o arcebispo de Madri, Carlos Osoro Sierra, o de Mérida, Venezuela, Baltazar Enrique Porras Cardozo, e o de Tlalnepantla, no México, Carlos Aguiar Retes, entre outros.

Os cardeais com mais de 80 anos não podem participar dos conclaves para eleger um novo Papa. “Com alegria, anuncio que sábado, 19 de novembro, na véspera do fechamento da Porta Santa da Misericórdia, realizarei um Consistório para nomear 13 novos cardeais, de cinco continentes”, informou o papa Francisco.

O brasileiro dom Sérgio da Rocha, de 56 anos, foi feito arcebispo de Brasília em 2011 por Bento XVI. Sacerdote desde 1984, completou seu doutorado em Teologia Moral na Academia Alfonsiana da Pontifícia Universidade Lateranense, em Roma. Foi ainda presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Doutrina da Fé, na CNBB, de 2011 a 2015, ano em que assumiu a presidência da organização.