terça-feira, 18 de outubro de 2016

Servidores da Segurança fazem paralisação e ato público em Natal


Esta terça-feira (18) foi marcada pela paralisação de 24 horas dos policiais civis, servidores do ITEP e servidores da Sesed. As categorias cruzaram os braços desde o início da manhã, como forma de protesto contra os atrasos de salários dos servidores estaduais. Além da paralisação, foi realizado um ato público, com caminhada pelas ruas do Centro de Natal até a Praça dos Três Poderes, em frente à Assembleia Legislativa.

Agentes, Escrivães, servidores do ITEP e da Sesed saíram em caminhada pela avenida Rio Branco, carregando faixas e fazendo um apitaço para chamar atenção da sociedade para a grave situação dos atrasos nos pagamentos. Durante o trajeto, o presidente do SINPOL-RN, Paulo César de Macedo, fez uso da palavra alertando a população para os prejuízos que atrasos de salários geram também para a população.

“O policial civil, o servidor do ITEP, da Sesed e os demais servidores público, em geral, já trabalham em condições extremamente precárias, em delegacias ou unidades caindo, sem armamentos e equipamentos de segurança adequados. Mesmo assim, eles não se omitem e cumprem seu papel fazendo o atendimento que a sociedade necessita. No entanto, além de tudo isso, não dá para trabalhar sem receber salário e nem muito saber quando vai receber. Nós policiais, assim como você cidadão, temos família, temos filhos para alimentar e temos contas para pagar”, falou Paulo César de Macedo, presidente do SINPOL-RN.