quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Bolsonaro quer mudar de partido após PSC se coligar a ‘comunistas’


O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) abriu uma cunsulto no Tribunal Superior Eleitoral para mudar de partido.

De acordo com informações da coluna Radar On-Line, da revista Veja, busca uma forma de deixar a legenda sem ser penalizado. De acordo com a legislação, ele poderia perder o mandato se deixasse o partido antes de março de 2018.

O deputado alega que o PSC desrespeitou o próprio estatuto ao fazer coligação com o Partido Comunista nas eleições do Maranhão.

“Há uma cláusula que permite o desligamento do parlamentar quando o partido passa a seguir outra linha”, diz. “Tenho um objetivo para 2018 e, no meio caminho, o PSC foi na contramão do que aponta sua diretriz”, explica.

De olho nas eleições presidenciais de 2018, Bolsonaro teme que eleitores questionem o fato.