terça-feira, 29 de novembro de 2016

Goleiro morre no hospital após acidente com avião da Chapecoense


As autoridades de Medellín, na Colômbia, confirmaram que o goleiro Marcos Danilo Padilla, da Chapecoense, não resistiu aos ferimentos e morreu. O jogador tinha sido resgatado com vida, mas não sobreviveu. A imprensa colombiana também confirmou a informação.

O avião que levava o time da Chapecoense à Colômbia para a disputa da final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional, caiu nesta terça-feira. Os sobreviventes são Alan Ruschel, Ximena Suárez Otterburg, Jackson Follmann, Neto e Rafael Henzel. O avião caiu na região central daquele país, e as equipes de socorro estavam retirando sobreviventes do local, informou a associação de aviação civil colombiana nesta terça-feira.