sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Renan acerta ao combater supersalário do funcionalismo

Boa parte dos juízes não gostou da iniciativa do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), de criar uma comissão para fazer um pente-fino nos chamados supersalários do funcionalismo.

Razão: há muitos magistrados que ganham acima do teto salarial do funcionalismo graças a privilégios ou brechas na lei. Renan está sendo acusado de retaliar juízes porque é investigado pela Lava Jato.

Independemente de eventuais motivações pessoais, Renan tem razão no mérito, porque existem casos de salários de R$ 100 mil ou até mais, quando o limite máximo deveria ser R$ 33,7 mil — a remuneração de um ministro do Supremo.