UFRN segue tendência e cria disciplina “O golpe de 2016” na pós-graduação - Blog do Joabson Silva | Opinião e notícia

NOVAS

02/03/2018

UFRN segue tendência e cria disciplina “O golpe de 2016” na pós-graduação


A Universidade Federal do Rio Grande do Norte incluiu em sua grade curricular do curso de pós-graduação em Ciências Sociais a disciplina “Seminário Temático II: O golpe de 2016 e o futuro da democracia no Brasil”. A matéria fará parte da grade do primeiro semestre de 2018 e acompanha a tendência do que vem acontecendo em universidades públicas pelo Brasil.

A pretensão da matéria é debater eventos políticos que ocorreram no Brasil e que foram classificados como “golpes” por parte da população. A disciplina da UFRN deve focar, principalmente, no impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

A iniciativa surgiu com o professor e pesquisador Luís Felipe Miguel, da Universidade de Brasília (UnB), e tem sido defendida por outras instituições de ensino. Ainda em fevereiro deste ano, o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), afirmou que vai acionar o Ministério Público Federal (MPF), a Advocacia-Geral da União (AGU), a Controladoria-Geral da União (CGU) e o Tribunal de Contas da União (TCU) para a investigar a disciplina na UnB.