Bebê de 6 meses, avó e homem morrem em acidentes nas BRs 405 e 304, no RN - Joabson Silva

NOVAS

26/04/2018

Bebê de 6 meses, avó e homem morrem em acidentes nas BRs 405 e 304, no RN


Um bebê de seis meses e a avó dele, e mais um homem, morreram na manhã desta quinta-feira (26) vítimas de acidentes de trânsito ocorridos em duas BRs que cruzam a região Oeste potiguar. O acidente que vitimou o bebê e a avó aconteceu na BR-405, em Apodi. Já o homem, um motociclista, morreu na BR-304, em Mossoró.

BR-405

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o acidente na BR-405 foi por volta das 8h30, na rotatória que dá acesso à RN-233, sentido Apodi-Caraúbas. Um Fiat Uno e uma Parati bateram de frente.

No Uno estavam o bebê, os pais dele e a avó. Já na Parati, havia dois homens. Com a batida, o bebê acabou sendo arremessado para fora do carro. Ele e avó ainda foram socorridos com vida para o hospital, mas não resistiram aos ferimentos.

Os pais do bebê, segundo a direção do Hospital Regional de Apodi, foram transferidos em estado grave para o Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró. "Ele teve traumatismo craniano. Já a mulher, sofreu várias fraturas", afirmou José Wilker, diretor do hospital de Apodi. Já os dois homens que estavam na Parati, ainda de acordo com o diretor, sofreram ferimentos menos graves.

Moradores da região reclamam da falta de redutores de velocidade e cobram a instalação de lombadas eletrônicas na rotatória.

BR-304

Ainda segundo a PRF, outros dois acidentes foram registrados nesta manhã na BR-304, em Mossoró. No primeiro, um Corolla e uma motocicleta se chocaram. A batida aconteceu nas proximidades das bases da Petrobras. O motociclista morreu na hora.

Perto do local, cerca de dois quilômetros de distância, aconteceu a segunda batida. Desta vez, envolvendo uma caminhonete e uma carroça. O carroceiro e o animal ficaram feridos.

BR-101 Norte

Já na Grande Natal, na BR-101 Norte, um homem cochilou ao colante e acabou batendo o carro em um poste. O poste caiu, mas o motorista sofreu apenas ferimentos leves.