Líder municipal do PSDB, Dickson diz que Ezequiel Ferreira e deputados da legenda apoiarão Fábio Dantas - Joabson Silva

NOVAS

19/04/2018

Líder municipal do PSDB, Dickson diz que Ezequiel Ferreira e deputados da legenda apoiarão Fábio Dantas


O PSDB/RN vem sendo cortejado por três pré-candidatos ao governo do estado e declarou recentemente na imprensa que só divulgará sua decisão sobre alianças na majoritária em julho, mas a sinalização é de que caminhará com o vice-governador Fábio Dantas (recém-filiado ao PSB) nas eleições deste ano. É o que acredita e declara o presidente do diretório tucano de Natal, o vereador Dickson Junior. Em entrevista ao Jornal 96, da Rádio 96 FM de Natal, na manhã desta quinta-feira, 19, o líder municipal disse que a tendência e sinalização inclusive do diretório estadual é apoiar a campanha do novo socialista.

“Somos um partido moderado. Nós gostamos de conversar. Mas pelo que sinto internamente e tenho conversado com muitos vereadores, vamos ficar com Fábio Dantas”, respondeu. Questionado, então, pelo apresentador Diógenes Dantas sobre o posicionamento do grupo de oito deputados tucanos, liderados pelo dirigente estadual da legenda, o presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira, Dickson declarou: “O presidente Ezequiel, depois que assumiu, deu uma encorpada no partido. Vejo até dele a sinalização de que vai ficar com Fábio. Está esperando o momento certo para anunciar, de uma forma mais forte. A tendência e a simpatia do presidente Ezequiel é apoiar Fábio”, opinou.

Diógenes frisou, contudo, que além de Dickson, apenas o deputado federal Rogério Marinho tem declarado publicamente o apoio ao pré-candidato do PSB. O líder municipal do PSDB confirmou e frisou que foi um dos primeiros a defender a candidatura de Fábio. “Eu defendia antes o nome do empresário Tião Couto (Mossoró), mas vi que não seria viabilizado. Então fui um dos primeiros nomes que defendeu a candidatura de Fábio Dantas, porque ele é preparado, articulado e tem coragem de fazer o que o estado precisa, porque estamos quebrados”, enfatizou.

Junior reforçou ainda sua defesa na postulação de duas vagas na chapa majoritária encabeçada por Fábio Dantas. “Defendo a indicação do vice (governador) e uma vaga do Senado. Acho que a gente não pode abrir mão disso, diante da musculatura que temos: oito deputados, mais de cem vereadores, com forte presença na capital e com um deputado federal atuante e conceituado nacionalmente (Rogério). A gente precisa dessas duas vagas”.

Por último, o apresentador voltou a questionar sobre os demais pré-candidatos que cortejam o PSDB. “Impossível mesmo é apoiar a candidata Fátima Bezerra, porque PT e PSDB não cabe”, disse, reforçando que esse seria um veto natural, diferente da situação do ex-prefeito Carlos Eduardo que também tenta o apoio tucano. Sobre o governador Robinson Faria, no entanto, foi enfático: “A questão de Robinson é delicada. É um governo reprovado por 86% da população. O PSDB tem que tomar consciência que apoiar o governador Robinson é ir na contramão”.