Seis novas escolas estaduais serão construídas no Rio Grande do Norte - Joabson Silva

NOVAS

17/04/2018

Seis novas escolas estaduais serão construídas no Rio Grande do Norte


O subsecretário de Educação do RN, Marino Azevedo, e a coordenadora de Desenvolvimento Escolar da SEEC, Jailma Carvalho, visitaram a Comunidade Indígena do Amarelão, juntamente com comitiva do Banco Mundial, para conhecer a localidade e a acompanhar o início das obras de construção da unidade de ensino. A comunidade fica no município de João Câmara, distante 98 km de Natal.

Todas as novas escolas, que já tem as ordens de serviço assinadas pelo governador do RN, atenderão critérios técnicos de sustentabilidade e conforto térmico, visando à redução de custos de operação da unidade de ensino. A escola da comunidade Amarelão fará parte de um modelo inédito no Estado, com uma estrutura dotada de medidas de maior eficiência energética e aproveitamento de recursos naturais. Entre os diferenciais estão soluções de reuso das águas pluviais em vasos sanitários e mictórios, além do reuso do esgoto tratado para irrigação de jardins e áreas verdes. A previsão é entregar as obras até o final deste ano.

“A visita teve como objetivo alinhar a proposta da SEEC com as necessidades da Comunidade. Abrimos um espaço e os ouvimos para saber o que esperam dessa unidade escolar. Foi um tempo para que conhecêssemos a área e para que os moradores pudessem contribuir com ideia deste equipamento que será propulsor para os estudantes”, comentou Jailma.

Através de processo licitatório, a empresa A&C Construções e Serviços LTDA Eireli foi contratada para realizar a obra que conta com investimento de R$ 4.746.448,05. A construção desta e de outras cinco escolas em áreas prioritárias do RN foram possibilitadas através de apoio do Projeto Governo Cidadão, por meio de recursos do Banco Mundial. Juntas, as suas escolas representam mais de R$ 26 milhões de reais em obras.

A unidade escolar vai ofertar ensino médio, nos turnos matutino e vespertino, e terá capacidade de atender em torno de 500 alunos da localidade,

Saiba mais

Além da referida escola, as novas unidades escolares serão construídas nas cidades de Macaíba (Traíras), São Gonçalo do Amarante, (Loteamento Plaza Garden), Muriú (E. E. Augusto Xavier de Góis), Ceará Mirim, (Assentamento do Rosário) e Caraúbas (Assentamento 1º de Maio). Juntas as escolas atenderão cerca de 3 mil alunos.