FAB abre concurso com 104 vagas de nível superior com fase em Natal - Blog do Joabson Silva | Opinião e notícia

NOVAS

14/05/2018

FAB abre concurso com 104 vagas de nível superior com fase em Natal


O Diário Oficial da União, de sexta-feira (11/5), trouxe o edital de abertura do mais novo concurso público da Força Aérea Brasileira (FAB). São oferecidas 104 vagas para médicos, para o Exame de Admissão do Curso de Adaptação de Médicos da Aeronáutica (CAMAR), de 2019. Para participar, os candidatos não podem completar 36 anos até o dia 31 de dezembro de 2019.

Há chances nas especialidades de alergologia, anatomia patológica, anestesiologia, cancerologia, cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, cirurgia vascular periférica, dermatologia, endocrinologia, gastroenterologia, geriatria, ginecologia e obstetrícia, hemoterapia, medicina de família e comunidade, medicina do trabalho, neurologia, oftalmologia, otorrinolaringologia, ortopedia, pediatria, psiquiatria, radiologia e urologia.

As inscrições poderão ser feitas de 14 de maio a 12 de junho. A taxa é de R$ 130. O concurso reserva 20% das vagas a candidatos negros. O processo seletivo será composto por prova escrita em 29 de julho (língua portuguesa e conhecimentos específicos), inspeção de saúde, exame de aptidão psicológica, teste de avaliação do condicionamento físico, prova prático-oral e validação documental.

A primeira fase será aplicada em Brasília, Belém, Recife, Jaboatão dos Guararapes/PE, Fortaleza, Natal, Parnamirim/RN, Salvador, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Lagoa Santa/MG, São Paulo, Guarulhos/SP, Campo Grande, Porto Alegre, Canoas/RS, Curitiba e Manaus. Cofira o edital.

Haverá ainda curso de formação no Centro de Instrução e Adaptação da Aeronáutica (CIAAR), em Minas Gerais, durante aproximadamente 17 semanas. Após a conclusão do curso, com aproveitamento, o aluno será nomeado primeiro-tenente do quadro de oficiais médicos da Aeronáutica.

Exército e Marinha abrem 730 vagas

Dois editais de abertura para seleções do Exército e Marinha foram publicados no Diário Oficial da União. São, ao todo, 730 oportunidades, para cadetes e oficiais. Ambos os postos exigem nível médio de formação.