‘Candidato’ excluído pede impugnação de Rafael Motta - Joabson Silva

NOVAS

23/08/2018

‘Candidato’ excluído pede impugnação de Rafael Motta


Por Carlos Santos

Por ação do ex-vereador caicoense Dilson Freitas Fontes (PSD), o “Leleu Fontes”, a candidatura à reeleição do deputado federal Rafael Motta (PSB) responde a ação de impugnação no Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Sob a relatoria do juiz federal junto a essa corte, o mossoroense Francisco Glauber Pessoa Alves, Rafael, a Coligação Trabalho e Superação I (PRB, PR, PPS, PMB, PTC, PSB, PRP, PSDB, PSD, Avante e Pros) e o Diretório Regional do PSB terão que apresentar defesa.

No prazo de 7 (sete) dias “precisarão contestar ou se manifestar sobre a notícia de inelegibilidade, juntar documentos, indicar rol de testemunhas e requerer a produção de outras provas, inclusive documentais, que se encontrarem em poder de terceiros, de repartições públicas ou em procedimentos judiciais ou administrativos, salvo os processos que estiverem tramitando em segredo de justiça”.

A publicação do Ato Ordinário aconteceu mediante edital eletrônico às 17h30 desse último dia 22 de agosto de 2018.

Entenda o caso

Leleu foi aprovado como candidato à Câmara Federal pelo PSD no dia 5 de agosto, em Convenção Estadual ocorrida em Natal. Mas dias depois, ele e outros candidatos tiveram seus nomes retirados, para acomodação de Rafael e seu partido, numa articulação do grupo do governador Robinson Faria (PSD).

O Blog Carlos Santos antecipou que Leleu reagiria à manobra e tem acompanhado esse caso bem antes desse despacho, em seus bastidores, revelando tensões para montagem da nominata governista e acolhimento do PSB.