Criminosos invadem sítio, matam idoso e obrigam familiares a queimar casa com o corpo dentro - Joabson Silva

NOVAS

11/09/2018

Criminosos invadem sítio, matam idoso e obrigam familiares a queimar casa com o corpo dentro


Homens invadiram uma casa em um sítio na zona rural de Caraúbas, na região do Oeste potiguar, e executaram a tiros um idoso de 71 anos conhecido como Joaquim Arruda, na madrugada desta terça-feira (11). Segundo informações da polícia, o grupo ainda obrigou os familiares a atearem fogo na residência com o corpo dentro. Ninguém foi preso.

Ainda de acordo com a polícia, os homens chegaram de carro ao Sítio Livramento por volta da meia-noite. A comunidade fica às margens da RN-117. Em seguida, invadiram a casa. Além do idoso, mais 7 pessoas estavam na residência. Os bandidos mandaram as mulheres saírem da casa e atiraram na vítima. Depois, obrigaram o filho e o genro do idoso a atearam fogo no imóvel com o corpo dentro.


Quando a polícia chegou o teto da casa ainda estava em chamas. Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Mossoró foi acionada e apagou o fogo. O corpo foi encontrado próximo a uma motocicleta, que também foi destruída. Ainda segundo a polícia, ninguém sabe o que motivou o crime.

O caso será investigado pela Polícia Civil de Caraúbas.

Morte de PM

Segundo o delegado Christiano Othon, titular da DP de Caraúbas, a morte do agricultor pode ter relação com o assassinato do cabo da Polícia Militar Ildônio José da Silva, de 43 anos, crime ocorrido no dia 16 de agosto durante um assalto a um ônibus escolar na RN-117, entre Caraúbas e Governador Dix-Sept Rosado, justamente nas proximidades do sítio. Parte da quadrilha que matou o policial permanece escondida na região.