Após campanha terminar, Álvaro Dias exonera secretária ligada a Carlos Eduardo - Joabson Silva

NOVAS

30/10/2018

Após campanha terminar, Álvaro Dias exonera secretária ligada a Carlos Eduardo


Dois dias após o término da campanha eleitoral, está exonerada a primeira secretária ainda ligada ao ex-prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT). Ilzamar Pereira da Silva, que respondia pela Secretaria Municipal de Assistência Social, teve sua exoneração publicada nesta terça-feira, 30, no Diário Oficial do Município.

Para o lugar de Ilzamar, o prefeito Álvaro Dias designou a servidora Maria José de Medeiros, ocupante do cargo de Secretária Adjunta da Semtas, para responder interinamente pela Secretaria.

A exoneração da secretária pode ser o primeiro reflexo das urnas na Prefeitura de Natal. Durante a campanha recém-encerrada, Álvaro Dias e Carlos Eduardo teriam se desentendido devido o insucesso eleitoral do filho de Álvaro, Adjuto Dias (MDB), para a Assembleia Legislativa.

Carlos Eduardo e sua esposa, a secretária municipal da Mulher, Andréa Ramalho, teriam atuado intensamente nos bastidores para favorecer a vereadora Nina Souza (PDT) na disputa para deputada estadual, prejudicando Adjuto, que não conseguiu votação suficiente para se eleger.

As informações dão conta de que Andréa Ramalho, como porta-voz do marido (Carlos Eduardo), teria mobilizado cargos comissionados das secretarias da Mulher, da Saúde e exatamente da Assistência Social para votar e pedir votos para Nina Souza, mesmo com o filho do prefeito sendo candidato ao mesmo cargo.

Adjuto Dias teve 28.697 votos no Rio Grande do Norte, dos quais apenas 7.939 foram em Natal. A votação foi praticamente idêntica à de Nina Souza, que conseguiu 7.379 votos na capital – ela recebeu pouco mais de 21 mil em todo o Estado.