Hoje é Dia do Comerciário, categoria que tem 50 mil trabalhadores no RN - Joabson Silva

NOVAS

30/10/2018

Hoje é Dia do Comerciário, categoria que tem 50 mil trabalhadores no RN


Nesta terça-feira, 30, quando você entrar em algum estabelecimento comercial, não deixe de dar os parabéns para aquele profissional que sempre pergunta se pode ser útil. É que, nesta terça-feira, 30 de outubro, é dia dele – do comerciário.

Oficialmente, a data instituída em 2013 pelo decreto de lei nº 12.790, de 14 de março, é considerada uma vitória histórica da categoria por melhores condições de trabalho.

Com 50 mil filiados no Rio Grande do Norte, o Sindicato Intermunicipal dos Empregados no Comércio Varejista ostenta uma importante conquista: o quinquênio e sexênio, garantindo a incorporação de 5% e 6% de aumento ao salário do trabalhador, respectivamente, a partir dos cinco e seis anos trabalhados.

“É um dos poucos casos de conquista desse tipo no País”, lembra Eduardo Moura, presidente do Sindicato, filiado à Central Única dos Trabalhadores (CUT), há 20 anos, cinco mandatos consecutivos.

Durante esse tempo todo, ele acumulou experiências importantes sobre as lutas dos comerciários, tornando-se um arquivo vivo de suas maiores demandas e problemas.

Hoje, apesar da crise da construção civil, ele diz, por exemplo, que o segmento das lojas de material de construção está entre as que mais empregam no estado, juntamente com as farmácia e supermercados.

Este ano, pela convenção coletiva fechada em abril último, os comerciários obtiveram a reposição da inflação de 1,81% e um reajuste salarial de 3%, o que foi considerado aceitável pela categoria.

Eduardo Moura garante ainda que as últimas duas décadas tem sido de “absoluta harmonia entre os trabalhadores do setor com dois grandes parceiros da categoria: o Serviço Social do Comércio (Sesc), instituição mantida pelos empresários e voltada para o bem-estar social dos seus empregados e familiares, e o Serviços Nacional do Comércio (Senac), voltado à educação profissional do comerciário e criado em 1946.

Segundo ele, ambos os serviços representam importantes patrimônios dos comerciários, com suas atuações voltadas para toda a comunidade.