Plano emergencial tentará esvaziar corredores de hospitais no RN - Joabson Silva

NOVAS

06/02/2019

Plano emergencial tentará esvaziar corredores de hospitais no RN


O Governo do Estado do RN planeja a curto prazo um plano emergencial para resolver um problema recorrente nos principais hospitais do estado, esvaziar os corredores que geralmente estão cheios de pacientes em macas a espera de cirurgias.

“Vamos implementar no curto prazo um plano emergencial para esvaziar os corredores dos hospitais e reduzir o tempo de espera para cirurgias e exames, mediante aumento da oferta nos hospitais próprios, mudança na contratação dos serviços complementares, melhoria na regulação do acesso e intensificação das parcerias com os municípios, com a EBSERH e com as Universidades”, disse a governadora Fátima Bezerra, ontem (5) durante leitura da sua mensagem anual na Assembleia Legislativa do estado.

Ela relembrou que já houve reuniões com representantes da Saúde de Natal e Mossoró, as duas maiores cidades do estado, para discutir a regularização dos repasses pelo governo, que não foram feitos em 2018, e que deixou os municípios sem condições de atendimento. “Além de garantir a regularidade dos repasses, garantimos de imediato R$ 900 mil para Mossoró, o que permitirá à prefeitura retomar a negociação com os prestadores de serviço e, por consequência, a realização de cirurgias”, ressaltou.

O foco do governo, segundo disse, será na regionalização das ações de saúde, com ênfase no pacto interfederativo a ser constituído em cada região. Fátima acredita que esse pacto é fundamental para evitar que toda a demanda de saúde seja represada e continue lotando os corredores do hospital Walfredo Gurgel, por exemplo. Com isso, serão feitas parcerias com os municípios para implementar uma política de qualificação para a Atenção Básica e também a Especializada, e implantação de policlínicas nas regiões de saúde do Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário